6 de jul de 2015

[Resenha] True - Erin McCarthy

Livro: True
Editora: Verus
Páginas: 497
Autora: Erin McCarthy
Ano: 2015

Sinopse: Quando as colegas de quarto de Rory descobrem que a tímida e estudiosa garota nunca passou uma noite com um homem, decidem que vão ajudá-la a perder a virgindade contratando o confiante e tatuado Tyler para fazer o serviço, porém sem o conhecimento dela. Tyler sabe que não é bom o bastante para Rory. Ela é brilhante, enquanto ele está lutando para se formar na faculdade e conseguir um emprego, para, então, poder tirar seus irmãos mais novos da mãe drogada. Mas ele acaba aceitando a proposta, pelo menos como uma oportunidade de conhecer Rory melhor. Há algo nela que o intriga e o faz querer ficar por perto — mesmo sabendo que não deveria.

Divididos entre o bom senso e o desejo, os dois se veem envolvidos em uma relação apaixonada. Mas, quando a família desajustada de Tyler ameaça destruir seu futuro — assim como o dela —, Rory precisa decidir se vai cortar os laços com o perigoso mundo do namorado ou se vai seguir seu coração, não importa o preço a pagar.





Vamos de resenha!!!!

Hoje falaremos de True um livro da autora Erin McCarthy contado pela percepção de Rory! Nome diferente que eu adorei!

So... Let's to resenha!

True conta a história de Rory e Tyler, então vamos começar a conhecê-los. 

Rory


Rory é virgem! Não é porque Rory é virgem que ela deveria ser uma  menina boba, e ela não é, pois já li livros de muitas mocinhas virgens que são cheias de atitude, mas Rory não. Ela é a tipica menina estudiosa que se embriaga com quatro cervejas e já muda de comportamento rapidamente. Ela chora por não ter ninguém em sua vida e se lamenta por ter uma beleza normal. Como ela mesma se define. Mas apesar de tudo isso tenho que admitir que ela é firme. Como Tyler mesmo a define. Você consegue ver claramente que ele investe pesado e ela continua firme! Ela entende muito bem as cantadas e investidas, mas não da brecha. Me surpreendi com ela. Achei que ela fosse ser frágil, mas ela sabe jogar com a situação.

Rory realmente não aceita o fato de que Tyler possa estar interessada nela e para ser sincera nem mesmo eu comprei muito essa história. Não depois da sinopse lida. 

Tyler


Até a pagina quarenta e seis do livro eu ainda tinha dúvidas se ele era o mocinho do livro, pois Tyler apareceu estando acompanhado de uma amiga da Rory, a Jéssica, mas ele a salvou no momento em que ela mais precisou e ainda a levou para casa, fazendo piadas e dando olhares pesados e avaliativos sobre Rory. Eu ainda estava em dúvida, mas quando ele dá a entender que repara nela eu confirmei minhas suspeitas. Ele seria o homem por quem eu suspiraria durante quase quinhentas páginas do livro. 
Tyler tem fama de bad boy tatuado. Algo novo? Noope, ele é o tatuado que segundo rumores tem um piercing Albert Eisnten, têm problemas com a família, mas no fundo é um amor de homem. Tem uma família problema, mas que são unidas. Tirando a mãe, você se apaixona por todos os irmãos dele e já quero o livro dois. 

Os dois..


Primeiro contato deles que considerei significativo foi quando Rory acordou da ressaca dela e Tyler estava em seu apartamento. Aparentemente sozinho. Então me perguntei: Se ele está com a Jéssica o que ele está fazendo no apartamento delas sem que sua ficante esteja lá? Foi a mesma coisa que Rory se perguntou e tenho certeza que a mesma dúvida que passou na minha mente passou na mente dela, ou na da autora. (risos)

–– Tanto faz. Sério, por que ele estava aqui?–– Ele não quis ir jantar com a gente. E estou falando sério, eu acho mesmo que ele gosta de você. Ele anda fazendo um monte de perguntas sobre você pra mim e pra Jess. A gente queria ter tipo uma biografia sua, pra poder dar pra ele e ele parar de encher a gente.  

Lá pelo terceiro encontro, nada casual, entre os dois já fica claro que Rory já se sente atraída pelo Tyler. Não somente ela como eu também! (riso). A forma que a autora escreve vai te levando de uma forma que quando você percebe até mesmo você está envolvida pelo Tyler. O que é incerto é o que ele sente por ela e até mesmo, levando em conta o título do livro, se ele está sendo verdadeiro com ela.  

O quarto encontro, estão estudando, os dois tem um diálogo muito interessante, mas eu ainda continuava confusa tentando entender o que o Tyler queria com tantos elogios. O texto não é confuso; pelo contrario, uma ótima leitura. Você devora o livro, mas Tyler é enigmático demais. Não sei se ele era o ponto de interrogação ou se Rory era quem não sabia aceitar os elogios e acabava por fazer eu me confundi. Contudo, rola um clima entre eles, um beijo e um amaço no carro. Mas então chegamos ao ponto da história. 
Nada, no momento em que descobrimos, é real. Suas duas amigas, Jess e Kylie armaram tudo com o Tyler para que ele tirasse a virgindade da Rory. Você sabe que isso vai acontecer, pois está na sinopse
O que você não sabe é que Rory também não está por dentro da história e que nessa altura do campeonato ela já esta atraída por Tyler, até mesmo se culpando por ele não ter a levado ao apartamento de um amigo  para que tudo fosse adiante.  
Eu no lugar dela teria, literalmente, explodido as amigas, mas Rory aceitou ficar quieta por medo de perdê-las. Contudo, ficou com raiva do Tyler. 
Nessa situação todo mundo teve uma parcela de culpa e todos deveriam ser responsabilizados. Mas não! Ela culpou somente o Tyler. Se eu achei errado? Com certeza!  Se eu teria dado um gelo nele por mais tempo? Definitivamente! Amor próprio as vezes não mata ninguém. 

Top seis de momentos  marcantes


1 - Quando Tyler a chama de fofa:
–– Rory.Não parecia uma pergunta, mas quando ele não continuou, eu disse.–– O quê? E seus cinco minutos estão quase acabando.–– Você é fofa.

2 - Quando os dois se beijam pela primeira vez.

–– Obrigado. –– ele murmurou, com um sorriso satisfeito no rosto, antes de descer a boca sobre a minha.

3 - Rory descobre a verdade

–– É mesmo. Mas eu realmente acho que esse negócio que a gente armou com o Tyler vai melhorar a autoconfiança dela. 

4 - Rory se vê apaixonada por Tyler

... Quando eu olho pra você, vejo uma mulher fantasticamente inteligente, divertida, generosa e linda. Sabia disso?
–– Não. –– sussurrei, emocionada.
Então eu percebi que estava completamente apaixonada por ele. 

5 - Quando Rory diz eu te amo na primeira vez deles.

–– Eu te amo. deixei escapar...

6 - Quando Tyler confessa seu amor:

–– A verdade, Rory, é que... eu me apaixonei por você. Eu te amo.



Prós e Contras


Prós:

* Livro bem narrado, escrita que não cansa e há uma historia. Não somente sexo como existe hoje em dia.

Contra:

* Em um livro de 497 páginas o sexo acontecer somente acontecer na pagina 322 é dureza.

* Tyler ter uma fama de pegador e bom de cama e no segundo que você lê o sexo termina em um piscar de olhos lhe fazendo perguntar: Esse é o bad boy que todas querem estar por ser bom de cama? Não sou muito ligada a livros que só tenha sexo e zero de história, mas quando há o ato, mesmo que ele seja uma vez somente, ele deve ser bem explorado!
*Após o sexo, algo que acontece, que não vou contar. O livro passa em uma rapidez impressionante. Acho que a autora se apressou demais e nos deparamos com acontecimentos e puladas de tempo em menos de 30 páginas. Nem mesmo temos a sensação que se passaram meses. Sabemos porque nos é falado e por um minuto achei que não teria final feliz.

  Mas teve!

O livro é bom... Não conhecia autora, mas logo estarei indo ver se teremos mais livros dela. É legal e bom de ler. Demorei uns sete dias porque eu só lia de noite antes de dormir. Mas valeu apena!

Até mais...


Classificação: 






Nenhum comentário:

Postar um comentário


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©